fbpx

Clínica ProPlastica

Lipo e Silicone: Posso fazer os dois procedimentos em uma única cirurgia?

Lipo e Silicone: Posso fazer os dois procedimentos em uma única cirurgia?

A cirurgia plástica associada é quando o cirurgião plástico realiza mais de um procedimento ao mesmo tempo. No geral, esta prática é comum, e afinal há cirurgias que se associadas oferecem resultados muito mais satisfatórios, um exemplo seria a lipo e o silicone.

Vale ressaltar que cada indivíduo possui características peculiares e cada cirurgia plástica os seus respectivos cuidados. Dessa forma, antes de optar pela associação de cirurgias, a paciente deve passar por uma criteriosa avaliação médica, no intuito de evitar complicações que prejudiquem o resultado.

Benefícios de realizar lipo e silicone no mesmo dia

Quando a paciente recorre à lipo e silicone, o objetivo é ter um contorno corporal mais harmônico, seios mais firmes, além da melhora da autoestima. É possível considerar que estes são alguns dos benefícios de realizar estes procedimentos no mesmo dia. Mas, podemos citar outros, como por exemplo:

  • Receber apenas uma anestesia;
  • Os cuidados do pré e pós-operatório serão realizados uma única vez.
  • O beneficio econômico. Pois, no geral os custos são menores do que quando realizados separadamente ;

Indicação da mamoplastia de aumento

Ter seios bonitos, firmes e proporcionais é o desejo e sonho de muitas mulheres. E quando ela não está satisfeita com a aparência deles, sua autoestima e a segurança em relação a sua feminilidade podem ficar seriamente abaladas, comprometendo emocionalmente sua qualidade de vida.

Sendo assim, colocar silicone nas mamas é indicado para as mulheres que se sentem insatisfeitas com o tamanho e formato dos seus seios. Mas, além de considerar o desejo da paciente, o médico irá avaliá-la de forma adequada para fazer a recomendação do procedimento com segurança.

Indicação da Lipoaspiração

A cirurgia plástica de lipoaspiração consiste na aspiração de gordura através de cânulas. Ela pode ser feita em diversas partes do corpo, desde que haja gordura localizada.  Geralmente, a lipoaspiração pode ser classificada em pequena, média ou grande, variando de acordo com a quantidade de gordura retirada e partes do corpo abordadas.

A lipoaspiração é indicada para mulheres e homens que tem gordura localizada e que não consegue eliminá-la com atividade física. Vale lembrar que este não é um tratamento para obesidade, pois geralmente é retirado no máximo 5% do peso corporal do paciente.

A lipoaspiração não substitui a prática de exercício físico e bons hábitos alimentares. Indivíduos com áreas de gordura no corpo e que se exercitam regularmente são os melhores candidatos a este procedimento.

Recuperação da lipo e silicone

O pós-operatório começa a partir do momento em que a paciente sai do hospital e vai para sua casa. Entretanto, essa fase deve ser regada de cuidados e cautela, em prol ao pleno restabelecimento do corpo.

Sobretudo, é importante considerar alguns cuidados, como por exemplo:

  • Usar a cinta elástica compressiva, que é colocada após a realização da lipoaspiração. No geral, esta cinta deve ser utilizada entre 30 a 40 dias, podendo ser retirada conforme orientação médica;
  • Usar o sutiã pós cirúrgico para ajudar na recuperação da cirurgia de mamoplastia de aumento. Estas peças irão trazer conforto e segurança. O ideal é não retirar nem para dormir, apenas na hora do banho;
  • Nos primeiros dias é recomendável que a paciente caminhe dentro de casa e não fique deitada o tempo todo. Os esforços físicos e levantar pesos estão proibidos até que o médico faça a liberação;
  • A drenagem linfática é indicada para redução do inchaço da lipo, na prevenção da acumulação de líquidos debaixo da pele e na prevenção de eventuais irregularidades, podendo ser necessárias diversas sessões no primeiro mês ( mínimo de 10 sessões), de acordo com recomendação do seu médico;
  • No caso da cirurgia das mamas, é preciso evitar elevar os braços acima dos cotovelos, portanto a paciente irá necessitar de ajuda de outras pessoas para vestir roupa, lavar a cabeça e etc.
  • Manter uma dieta leve e fazer a ingestão de bastante líquido (mínimo de 2 litros) ao dia;
  • Não praticar atividades físicas até que o cirurgião plástico faça a liberação;
  • Utilizar sempre meias de prevenção de trombose (meias ¾ ) por pelo menos 7 dias;
  • Voltar ás consultas médicas na data e horários pré-agendados.

Riscos da cirurgia plástica por associação

Toda cirurgia plástica pode oferecer riscos, seja ela feita por combinação ou não. Mas é importante saber que quanto maior o tempo da cirurgia maiores os riscos. No geral, podem surgir algumas complicações como infecção, trombose ou rompimento dos pontos.

Mas, estas complicações têm maiores chances de acontecer em pessoas que possuem doenças crônicas, que devem estar muito bem controlados antes da cirurgia.

A melhor forma de diminuir os riscos de complicações devido a uma cirurgia plástica é realizar o procedimento numa clínica ou hospital, com um cirurgião plástico membro da Sociedade Brasileira de Cirurgia Plástica e seguir todas as suas recomendações no pré e no pós-operatório.

Concluindo, é preciso conversar com seu cirurgião plástico para juntos analisarem a possibilidade de unir os dois procedimentos (lipo e silicone) de forma que a sua saúde seja assegurada e você tenha benefícios com essa opção.

Lembre-se sempre que o seu bem mais valioso é a sua vida, então por isso escolha um bom cirurgião e evite se expor a riscos desnecessários.

 

Para mais informações, fique à vontade para marcar uma consulta. Escreva-me também através das redes sociais:
Instagram: @ProPlastica
Facebook: @ProPlasticaBH

Dr. Alexandre Rezende
Cirurgião Plástico em Belo Horizonte – Hospital Dia ProPlastica
CRM: 50932 / RQE: 36056

Qual a sua maior dúvida sobre fazer duas cirurgias ao mesmo tempo?
Powered by