Clínica ProPlastica

Quando é indicada a rinomodelação?

Quando é indicada a rinomodelação?

A rinomodelação é um procedimento realizado com o preenchimento do ácido hialurônico com o objetivo de corrigir pequenas  assimetrias no nariz que podem aparecer após a rinoplastia. Esta técnica é apenas estética e não corrige alterações funcionais, como é o caso da rinoplastia. Na verdade,  pode inclusive piorar a função quando aplicado muito volume.

Quer saber quando é indicada a rinomodelação? Conhece esta técnica?

Quando é indicada?

A rinomodelação é um procedimento sem cirurgia, ou seja, sem o uso do bisturi. Mas que tem sérios riscos.

Esta técnica é indicada para homens e mulheres que tem interesse em melhorar pequenas imperfeições no nariz, como por exemplo:

  • Corrigir a giba nasal (ossinho proeminente);
  • Melhorar a queda da ponta do nariz;
  • Corrigir desníveis no nariz;
  • Reparar o perfil sinuoso e assimetria entre os lados do nariz.

No geral, a rinomodelação pode ser realizada nos últimos anos da adolescência, quando a pessoa já está com a face completamente desenvolvida. Mas, para a indicação ser feita corretamente, é necessária a avaliação presencial feita pelo cirurgião plástico. Muitos especialistas são contra esse tipo de procedimento devido ao seu efeito passageiro associado aos riscos que o paciente se expõe cada vez q se submete ao preenchimento.

É importante esclarecer que, para os pacientes que apresentam uma queixa ao formato global do nariz ou que tenham algum problema respiratório, como por exemplo, o desvio de septo, precisa recorrer à cirurgia plástica tradicional do nariz (rinoplastia). Mas, apenas o especialista poderá diagnosticar e fazer a indicação certa.

Como é feita a rinomodelação?

Sobretudo, diferente da rinoplastia, a rinomodelação não envolve cortes ou fraturas dos ossos do nariz. Sendo assim, este procedimento necessita de anestesia local e geralmente, pode ser realizada no consultório do cirurgião plástico.

Através de uma seringa com agulha fina, o ácido hialurônico será injetado no nariz do paciente com o objetivo de modelá-lo e fazer as correções que causam incômodos.

Normalmente, o tempo de duração do procedimento é de 20 a 30 minutos.

Cuidados após a rinomodelação

O cuidado com o procedimento feito no nariz envolve:

  • Usar rigorosamente o protetor solar para evitar manchas.
  • Evitar traumas locais
  • Comunicar qualquer alteração da coloração da pele do nariz

O  paciente pode retornar ao trabalho e atividades físicas no dia seguinte ao procedimento. Mas, é importante ter cautela no excesso à exposição solar e exercícios físicos muito pesados.

Em caso de qualquer anormalidade observada, o paciente deve procurar pelo cirurgião plástico imediatamente.

O resultado é duradouro?

O ácido hialurônico é uma substância que ocorre naturalmente no nosso corpo. A sua versão sintética é bastante conhecida no preenchimento labial e facial para amenizar rugas de expressão, além de repor o volume facial perdido com o passar do tempo.

No procedimento de rinomodelação é utilizada uma versão de ácido hialurônico mais elástica e viscosa. O objetivo é atingir resultados mais duradouros e interessantes.

Sobretudo, o ácido hialurônico presente naturalmente em nosso organismo é absorvido com o avançar da idade. Portanto, todo procedimento feito com esta substância tem efeito temporário, inclusive a rinomodelação.

Cada organismo reage de uma forma, mas normalmente o efeito dura 12 a 18 meses, portanto não é definitivo.

Passado este tempo, é necessário fazer uma nova aplicação com ácido hialurônico, com o objetivo de manter os resultados obtidos na primeira sessão.

Complicações

Todo procedimento estético envolve riscos, mas eles podem ser amenizados caso seja feito por profissional que seja especializado e  preparado para tal.

O preenchimento com ácido hialurônico requer domínio completo da anatomia nasal.  Portanto, deve ser feito por profissionais experientes.

No geral, é comum o paciente apresentar inchaço e vermelhidão no local, mas este quadro é melhorado com o passar dos dias.

Em casos raros, pode acontecer necrose da pele do  nariz. No qual o paciente deve receber tratamento especial para resolver o problema, mas costuma deixar sequelas. Se aplicado dentro do vaso pode dar embolia que pode levar a cegueira ou até mesmo um AVC. Portanto é um procedimento que deve ser evitado. Devemos dar preferência a correção cirúrgica que tem resultado mais duradouro. Mas em alguns casos pode ter indicação para correções de pequenas alterações estéticas. Sempre com muita cautela.

Gostou das informações? Converse com seu cirurgião plástico sobre todas as questões que envolvem o preenchimento no nariz e a rinoplastia. Assim, você poderá se sentir mais seguro e confiante para tratar as suas alterações.



Para mais informações, fique à vontade para marcar uma consulta. Escreva-me também através das redes sociais:
Instagram: @ProPlastica
Facebook: @ProPlasticaBH

Dr. Alexandre Rezende
Cirurgião Plástico em Belo Horizonte – Hospital Dia ProPlastica
CRM: 50932 / RQE: 36056



×
Quer saber mais sobre rinomodelação?